Apresentação

Seja bem vindo ao site do NAS – Núcleo de Ação Social.

Somos uma Organização Não Governamental (ONG) da região do Real Parque, em Barão Geraldo, Campinas,SP. Nossa atuação está focada no tripé família, educação e trabalho.

Temos como objetivo impulsionar o desenvolvimento da auto-estima e auto-sustentação das famílias que vivem na região e incentivar a formação de valores e virtudes de todos envolvidos no projeto.

Este site é dinâmico, não deixe de voltar a ele sempre que puder. Aqui divulgaremos nossas ações, projetos, eventos e todas as informações necessárias para que você  se torne um colaborador. Faça parte desse time!

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLÉIA ORDINÁRIA

1. Nos termos do Estatuto do NAS Núcleo de Ação Social em seu Art.15, convoco para a reunião da Assembleia Geral Ordinária os associados, fundadores, contribuintes e partes interessadas a realizar-se em sua sede, à Rua Nossa Senhora Assunção 1.151, no Distrito de Barão Geraldo, Campinas, no dia03 de fevereiro de 2021, às 18h30, em primeira convocação, havendo quorum, ou às 19h, em segunda convocação, com qualquer número de pessoas presentes, para o fim de deliberar sobre apreciação e aprovação de contas.

Campinas, 26 de Janeiro de 2021 

Antonio João Moreno 

Presidente 

GRANDE LIQUIDAÇÃO – NAS BAZAR

No dia 14/11, sábado, das 8h às 11h, promoveremos uma grande liquidação
em nosso bazar para troca de estoque!!!
Poderão ser adquiridas 20 peças por R$ 5,00! E nas demais seções do bazar,
os preços estarão bem baixinhos para troca de estoque para o grande BAZAR
DE NATAL!!
Tudo com muita segurança: A entrada será controlada e por ordem de
chegada, somente 2 pessoas por família e obrigatoriedade do uso de máscara.
Pedimos que não tragam crianças por medida de segurança.


Esperamos vocês!!!! #participedavidadonas

MOBILIZA CAMPINAS

O avanço do Coronavírus nos colocou frente a um enorme desafio sanitário e que também acarretou uma drástica diminuição das atividades econômicas em todo o país.  Neste cenário, para além das consequências do contágio, as populações socialmente mais vulneráveis também começam a ser atingidas por privações de suas necessidades mais básicas e milhares de famílias não conseguem mais garantir o alimento de cada dia.

Veja mais detalhes no site da FEAC